Foto da Guiné Equatorial

Guia de condução da Guiné Equatorial

A Guiné Equatorial é um belo país único. Explore tudo isso dirigindo quando você receber sua Permissão Internacional para Dirigir

2021-07-26 · 9 minutos

Situada na costa oeste da África Central, a Guiné Equatorial é o lar de praias intocadas e florestas tropicais imaculadas, onde animais selvagens raros vagam livremente. Esta pequena nação africana também oferece arquitetura colonial espanhola e um cenário urbano idílico, que impressiona os turistas. Esses cenários intocados e atrações naturais fazem da Guiné Equatorial um país de visita obrigatória em sua viagem à África.

O país tem uma população total de 1,3 milhão de pessoas, a maioria das quais são indígenas do continente africano. Os idiomas oficiais falados na Guiné Equatorial são o espanhol, o francês e o português. O inglês também é uma língua regional reconhecida, mas é recomendável trazer um livro de frases de viagem para evitar mal-entendidos.

Como este guia pode ajudá-lo?

Viajar para um país estrangeiro sem aprender sobre as informações essenciais pode ser perigoso. Você precisa estar ciente das coisas a fazer para uma estadia de longo prazo e outros fatos do país antes de ir para a Guiné Equatorial. Felizmente, este guia de viagens pelo mundo incluirá todas as coisas que você precisa manter em mente para uma viagem agradável e segura à Guiné Equatorial. Quanto à direção na Guiné Equatorial, este guia abrangente também cobre as regras de direção e etiqueta que você deve seguir.

Informações gerais

A Guiné Equatorial é uma nação centro-africana que consiste em um território continental e cinco pequenas ilhas. A sua capital, Malabo, encontra-se na Ilha Bioko na Baía de Biafra. Isso faz da Guiné Equatorial um dos poucos países que não têm suas capitais localizadas na região continental.

Localização geográfica

A Guiné Equatorial está localizada na costa oeste da África Central. Compreende o continente Río Muni, também conhecido como Guiné Equatorial Continental, e cinco ilhas conhecidas coletivamente como Guiné Equatorial Insular. A Guiné Equatorial Continental faz fronteira com Camarões no norte, Gabão no leste e sul e com a baía de Biafra no oeste.

As pequenas ilhas de Corisco, Little Elobey e Great Elobey estão situadas perto da costa do Rio Muni. Bioko, a maior das ilhas, fica na costa de Camarões, na baía de Biafra. A ilha vulcânica de Annobón fica ao sul do Equador e quase 640 quilômetros (400 milhas) a sudoeste de Bioko.

A geografia da Guiné Equatorial é única. O Rio Muni consiste em planícies costeiras, vales e um rio que divide o continente ao meio. Enquanto isso, as ilhas de Bioko e Annobón são de natureza vulcânica, com lagos encontrados nas crateras. Você experimentará um clima tropical na Guiné Equatorial com estações chuvosas e secas distintas. O continente é seco, enquanto as ilhas ficam úmidas de junho a agosto. O oposto ocorre de dezembro a fevereiro. Essas variações são devidas aos níveis de elevação e proximidade do mar.

Línguas faladas

Devido à sua história como colônia espanhola em duas ocasiões distintas, a Guiné Equatorial usa o espanhol na educação e na administração, tornando-o uma das línguas oficiais do país. A Guiné Equatorial também é o único país da África com o espanhol como língua oficial.

Apesar disso, cada grupo étnico na Guiné Equatorial fala uma língua diferente. Fang e Bubi estão entre os dialetos mais comumente usados no país. Francês, português e inglês também são falados por alguns habitantes locais.

Área de pouso

A Guiné Equatorial tem uma área total de 28.051 quilômetros quadrados, tornando-se o 11º menor país da África. O continente Río Muni abrange 26.000 quilômetros quadrados desta área. Enquanto isso, a Ilha Bioko, a maior ilha do país, cobre 2.017 quilômetros quadrados. A pequena ilha vulcânica de Annobon se estende por 18 quilômetros quadrados. O resto das pequenas ilhas cobrem 16 quilômetros quadrados de área de terra.

História

A ilha de Bioko da atual Guiné Equatorial foi descoberta pela primeira vez pelo explorador português Fernão do Pó por volta de 1472. Outro explorador português chamado Rui de Sequeira descobriu Annobón, uma das cinco ilhas que compõem a atual Guiné Equatorial. Portugal possuía direitos comerciais exclusivos na África até 1778, quando cedeu Bioko e Annobón à Espanha. No entanto, os espanhóis logo foram derrotados pela febre amarela e retiraram-se em 1781.

Em 1827, os britânicos eram responsáveis pela administração das ilhas. Mas os espanhóis estavam determinados a ocupar as ilhas e acabaram descobrindo o Río Muni, a região continental. Essas áreas se tornaram oficialmente os Territórios da África Ocidental, mais tarde renomeados como Guiné Espanhola, em 1904. A Guiné Espanhola foi concedida a independência e tornou-se a República da Guiné Equatorial em 1968.

Governo

O governo da Guiné Equatorial já foi uma nação de partido único. Em 1991, isso foi abolido quando uma nova constituição permitiu que os partidos da oposição concorressem aos cargos públicos. Desde então, a Guiné Equatorial realiza eleições gerais multipartidárias para o cargo de presidente e para a legislatura bicameral da Câmara dos Deputados e do Senado.

No entanto, os partidos de oposição não têm muito poder no governo. O presidente Teodoro Obiang Nguema Mbasogo venceu todas as eleições desde que assumiu o cargo e derrubou Francisco Macías Nguema em 1979. Seu próprio partido político, o Partido Democrático da Guiné Equatorial (PDGE), também detém a maioria das cadeiras no legislativo.

Turismo

A indústria do turismo na Guiné Equatorial ainda não está totalmente desenvolvida, mas está crescendo lentamente. O país agora oferece muitas oportunidades empolgantes para que se possa vivenciar a rica história colonial e as belezas naturais intocadas da África Central. Há hotéis e acomodações abertas para turistas, principalmente nas ilhas onde praias intocadas começam a ganhar força.

O Rio Muni, a região continental, possui extensas florestas tropicais protegidas, onde vários primatas ameaçados de extinção, como chimpanzés, gorilas e mandris circulam livremente. Malabo, a capital, é conhecida por seu ambiente descontraído e edifícios arquitetônicos impressionantes. Fora da capital, várias províncias da Ilha Bioko apresentam praias idílicas e lagos de crateras encantadoras que o deixarão maravilhado.

Perguntas frequentes de PDI na Guiné Equatorial

Dirigir na Guiné Equatorial é uma das melhores formas de se locomover pelo país e descobrir suas maravilhas naturais. No entanto, você deve fornecer todos os documentos necessários para uma experiência de direção descomplicada. Isso inclui ter uma carteira de motorista internacional, que serve como uma tradução de sua carteira de motorista local para que você possa evitar problemas ao dirigir nas ilhas da Guiné Equatorial. Continue lendo para aprender sobre o PDI na Guiné Equatorial .

A carteira de motorista local é válida na Guiné Equatorial?

Os turistas com carteira de habilitação local válida e IDP podem dirigir na Guiné Equatorial. Você também tem a opção de obter uma licença da Guiné Equatorial se estiver planejando permanecer no país por um longo período. Simplesmente entregue sua carteira de motorista local à delegacia de polícia local e pague uma taxa para obter uma carteira da Guiné Equatorial.

Preciso de um PDI para dirigir na Guiné Equatorial?

É altamente recomendável trazer um PDI ao dirigir na Guiné Equatorial, especialmente se sua carteira de motorista local não estiver escrita no alfabeto romano. A maioria dos funcionários não fala inglês, portanto, ter um PDI será útil se você precisar apresentar seus documentos de viagem na estrada.

Um PDI substitui a carteira de motorista nativa?

Embora um IDP contenha seu nome e informações sobre o motorista, ele não substitui sua carteira de motorista original. Ele simplesmente traduz sua carteira de motorista local para 12 idiomas reconhecidos pela ONU, tornando-a um documento válido em mais de 150 países em todo o mundo, incluindo a Guiné Equatorial. Você ainda precisa apresentar às autoridades sua carteira de habilitação original emitida pelo governo ao dirigir na Guiné Equatorial e alugar um carro.

Quando visito outro país estrangeiro depois da Guiné Equatorial, meu PDI ainda é válido?

Sim, você pode visitar outro país e usar seu PDI para a próxima viagem ao exterior, desde que ainda seja válido. Apenas certifique-se de verificar a validade do documento antes de dirigir em outro país. Um IDP emitido pela International Driver's Association é válido em mais de 150 países em todo o mundo.

Alugando um carro na Guiné Equatorial

O transporte público é escasso na Guiné Equatorial e fica facilmente superlotado. É altamente recomendável alugar e dirigir um carro para uma agradável experiência de viagem pelo país. No entanto, você deve considerar vários fatores antes de alugar um veículo. Abaixo estão todas as informações essenciais que você precisa saber ao alugar um carro na Guiné Equatorial.

Locadoras de veículos

Companhias automobilísticas internacionais como Avis e Europcar atendem as cidades de Malabo e Bata na Guiné Equatorial. É recomendável reservar um carro alugado online antes de chegar ao país, pois é mais conveniente e confortável. No entanto, você também pode alugar um carro em várias locadoras locais no aeroporto principal assim que chegar ao país.

Documentos necessários

Se você deseja alugar um carro na Guiné Equatorial, é necessário apresentar sua carteira de motorista válida e outra identificação emitida pelo governo, como seu passaporte. Você também precisa apresentar uma carteira de motorista internacional se sua carteira de motorista nativa não estiver escrita em caracteres romanos.

Felizmente, você pode obter um IDP rapidamente no site da International Driver's Association. Tudo que você precisa fazer é enviar todos os documentos necessários online e esperar vários dias para receber seu PDI em seu endereço de e-mail. Você também pode obter seu IDP em seu endereço residencial. Basta fornecer-nos a sua residência completa e o código postal para poder conduzir na Guiné Equatorial.

Tipos de veículos

As locadoras de veículos oferecem diferentes tipos de veículos para garantir uma direção confortável em locais da Guiné Equatorial na cidade e nas ilhas. Os tipos de veículos mais comuns que você pode alugar são sedans e SUVs. Outros carros, como vans e carros de luxo, também estão disponíveis mediante solicitação. No entanto, não é recomendado dirigir com esses veículos devido aos reparos em andamento para melhorar as condições das estradas na Guiné Equatorial.

Custo de aluguel de carro

Um carro alugado na Guiné Equatorial começa em $ 8,99 por dia. A taxa de aluguel depende do tipo de veículo que você aluga, do tamanho do carro e do seguro. Produtos e serviços opcionais, como navegação GPS, Wi-Fi e cadeiras infantis, também afetam o preço do aluguel do carro.

Requisitos de idade

A idade mínima exigida para alugar um carro é 18 anos. No entanto, a maioria das montadoras internacionais exigirá uma sobretaxa para menores de 25 anos devido a acidentes causados por jovens motoristas. Algumas empresas também proíbem jovens condutores e aceitam apenas 21 anos ou mais para alugar veículos específicos.

Custo do seguro automóvel

Dirigir em locais da Guiné Equatorial pode parecer assustador no início devido às estradas desconhecidas. Felizmente, a maioria das locadoras de veículos já oferece seguro em suas taxas. O seguro automóvel dá-lhe uma sensação de segurança e protecção enquanto conduz nas cidades e ilhas da Guiné Equatorial. Também o reembolsa de quaisquer custos se o carro for danificado ou roubado. Pode até incluir cobertura médica para cobrir despesas hospitalares em caso de acidente.

Se você alugar um carro em uma empresa que não oferece seguro, é melhor conseguir um de um fornecedor terceirizado antes de dirigir na Guiné Equatorial. Você também tem a opção de escolher planos adicionais se achar que um seguro não é suficiente para protegê-lo.

Apólice de seguro automóvel

As locadoras de veículos na Guiné Equatorial oferecem apólices de seguro como Isenção de Danos por Perda (LDW), Seguro de Acidentes Pessoais (PAI), Seguro de Responsabilidade Adicional (ALI), Plano de Doença de Emergência e Assistência Rodoviária Estendida. Um LDW será útil se o seu carro for danificado ou roubado, uma vez que o isenta de qualquer responsabilidade financeira. O PAI cobre despesas médicas se você e seus passageiros se envolverem em um acidente.

As regras da estrada na Guiné Equatorial

Antes de dirigir em um país estrangeiro, você precisa estar ciente das regras de trânsito para evitar acidentes e situações indesejadas com as autoridades. A maioria das regras de trânsito na Guiné Equatorial pode ser desconhecida para você, mas é fácil se acostumar com elas. Leia abaixo para aprender as regras essenciais de trânsito antes de dirigir na Guiné Equatorial hoje.

Regulamentos importantes

Ao dirigir em locais da Guiné Equatorial, é essencial conhecer os regulamentos importantes aplicados no país. Se você não seguir essas regras de trânsito, poderá enfrentar sérias consequências, como multas, penalidades ou, pior, ferimentos e morte. Aqui estão os regulamentos importantes que você precisa seguir na Guiné Equatorial.

Dirigir embriagado é ilegal

De acordo com a Direcção-Geral de Segurança Rodoviária publicada pela Organização Mundial de Saúde, 60% das mortes no trânsito na Guiné Equatorial são causadas por dirigir embriagado. Portanto, uma lei nacional sobre álcool e direção é estritamente imposta no país. O limite legal de álcool no sangue (TAS) é de 0,15% ou 0,015 g / dl. Se você for pego dirigindo sob o efeito de álcool na Guiné Equatorial, será multado.

Ao dirigir na Guiné Equatorial, espere ver testes aleatórios de bafômetro e pontos de controle da polícia para testar seu BAC. Se você encontrar um, pare o veículo e siga as autoridades. A regra geral é nunca beber álcool quando estiver dirigindo.

Não enviar mensagens de texto e dirigir

Estrangeiros que dirigem na Guiné Equatorial estão proibidos de usar telefones celulares, incluindo dispositivos viva-voz, na estrada. Você será parado e multado pela polícia por não seguir esta lei anti-distração ao dirigir.

Normas Gerais de Condução

Como outros países, a Guiné Equatorial também observa os padrões gerais de direção para garantir a segurança de todos na estrada. É essencial seguir essas regras para evitar circunstâncias infelizes na estrada. Na Guiné Equatorial, os moradores usam principalmente carros manuais. Mas você também pode alugar um veículo automático em algumas locadoras de veículos, se preferir. Aqui estão outros padrões a serem lembrados ao dirigir na Guiné Equatorial.

Antes de dirigir

Antes de dirigir na Guiné Equatorial, você deve se certificar de que seu veículo está em boas condições. Verifique os espelhos, janelas, freios, luzes e pneus se eles estão funcionando. Se estiver alugando um carro na Guiné Equatorial, certifique-se de que a empresa possui as licenças e que o veículo está registrado. Relate quaisquer batidas ou arranhões imediatamente à locadora de veículos antes de dirigir.

Sempre carregue seu passaporte, carteiras de identidade secundárias, documentos de seguro, carteira de motorista local e carteira de motorista internacional ao dirigir na ilha da Guiné Equatorial. Você pode ser multado por dirigir sem licença se não apresentar uma carteira de habilitação válida. Por último, lembre-se de dormir o suficiente antes de pegar a estrada.

Ao dirigir

A maioria das estradas nas áreas urbanas da Guiné Equatorial são pavimentadas e mantidas de maneira adequada. Basta estar atento à estrada para garantir a sua segurança. Ao viajar para as áreas rurais da Guiné Equatorial, você pode encontrar ruas estreitas e não pavimentadas, pedestres e animais vadios. Diminua a velocidade para evitar acidentes.

Depois de dirigir

Assim que chegar ao seu destino na Guiné Equatorial, certifique-se de estacionar o veículo em vagas designadas e áreas bem iluminadas. Se você não consegue ver nenhum sinal de estacionamento na área devido à construção de estradas em andamento, você ainda deve evitar o estacionamento ilegal na beira da estrada. Em geral, não estacione em ou a menos de cinco metros de uma travessia de pedestres e cruzamentos.

Antes de descer do veículo, certifique-se de desligar o motor e engatar o freio de mão. Você também deve verificar os pedestres ou animais vadios que você possa atropelar antes de abrir a porta do carro.

Limites de velocidade

O excesso de velocidade é estritamente proibido na Guiné Equatorial, onde as construções e reparos de estradas em andamento são comuns em todo o país. O limite máximo de velocidade em estradas urbanas é de 20 KpH. Observe que as autoridades locais podem definir limites de velocidade ainda mais baixos nas áreas rurais. É melhor dirigir abaixo do limite de velocidade para evitar acidentes e penalidades.

Lei do cinto de segurança

A Guiné Equatorial impôs uma lei nacional estrita do cinto de segurança para reduzir as mortes em caso de acidentes rodoviários. O motorista e o passageiro da frente devem sempre usar cinto de segurança ao dirigir nas ilhas da Guiné Equatorial. Os ocupantes dos bancos traseiros também devem colocar os cintos de segurança.

No entanto, ao contrário de outros países, a Guiné Equatorial atualmente não tem nenhuma lei de restrição de crianças que exija que crianças pequenas sejam presas em um assento de carro. Se você estiver viajando com pessoas jovens com menos de 135 centímetros de altura, é melhor ter sistemas de retenção para crianças para reduzir o risco de lesões em paradas repentinas.

Instruções de direção

A maioria das estradas principais na Ilha de Bioko e no Rio Muni na Guiné Equatorial são pavimentadas e estão em boas condições. Existem apenas alguns sinais de trânsito e de estrada, uma vez que a construção de novas estradas está a decorrer em todo o país. No entanto, é fácil dirigir na Guiné Equatorial e encontrar seu hotel e outros dos melhores destinos de viagem do mundo na Guiné Equatorial, já que o país é relativamente pequeno. Dirigir na Guiné Equatorial para ver as marinas pode ser feito em um dia.

O movimento transfronteiriço é monitorado de perto, e provavelmente você não terá permissão para deixar a Guiné Equatorial para chegar aos países próximos. Viajar para fora das cidades de Malabo e Bata também pode ser um desafio devido aos ocasionais bloqueios de estradas militares. No entanto, desde que forneça a identificação e a documentação do seu veículo alugado, você não encontrará nenhum problema com as autoridades.

Sinais de trânsito

A Guiné Equatorial está passando por desenvolvimentos rodoviários significativos, portanto, espere menos sinais de trânsito e estradas. No entanto, a maioria desses sinais de trânsito são semelhantes aos de outros países. Para os turistas que planejam dirigir na Guiné Equatorial hoje, é fundamental seguir o que cada sinalização indica para garantir a segurança. Aqui estão alguns exemplos de sinais de trânsito que você pode encontrar na Guiné Equatorial.

  • Sinais de trânsito regulatórios: semáforos, subida íngreme, descida íngreme, curva à esquerda, curva à direita, série de curvas, tráfego de mão única ou de mão dupla à frente, lombada à frente e muito mais
  • Sinais de trânsito prioritários: parada, estrada prioritária à frente, sem entrada, rotatória à frente e mais
  • Sinais de trânsito obrigatórios: limite máximo de velocidade, zona do medidor, vire à direita ou à esquerda, faça meia-volta e muito mais

Direito de passagem

Atualmente, não há regras de direito de passagem em vigor para quem dirige na Guiné Equatorial. Mas para garantir a segurança, sempre pratique o direito de passagem básico imposto na maioria dos países. Lembre-se de ceder ao carro que chegou primeiro. Ao virar em um cruzamento, você deve dar prioridade a veículos que vão em frente (se você estiver virando à direita) ou carros que virem à esquerda (se você estiver virando à direita).

A idade legal para dirigir na Guiné Equatorial é 18 anos. No entanto, a maioria das locadoras de veículos não permite que menores de 21 anos aluguem um carro. Algumas empresas podem até cobrar uma taxa adicional para menores de idade para motoristas com menos de 25 anos de idade.

Leis sobre ultrapassagem

Ultrapassar pode ser perigoso na Guiné Equatorial, pois a maioria das estradas tem duas faixas. Também não há regras claras de ultrapassagem impostas pelas autoridades, o que torna ainda mais perigoso.

Mas se você precisar ultrapassar ao dirigir na Guiné Equatorial, afaste-se de outros veículos na estrada. Você só deve ultrapassar se houver espaço suficiente para você e o carro que está ultrapassando na pista. Deve ser feito do lado direito. Antes de ultrapassar, você precisa avisar os motoristas atrás de você sobre sua intenção. Volte para a pista assim que terminar de ultrapassar. Não ultrapasse se você não puder ver claramente nas pistas. Evite-o, a menos que seja necessário.

Lado de Condução

Você estará dirigindo do lado direito da estrada na Guiné Equatorial. É uma das principais regras de trânsito que você precisa saber ao planejar dirigir na Guiné Equatorial. Felizmente, a maioria dos países ao redor do mundo dirige do lado certo, portanto, dirigir seria o mesmo se você estivesse vindo desses países. No entanto, se você vem de países que dirigem à esquerda, você precisa estar familiarizado com a condução à direita para evitar acidentes na Guiné Equatorial.

Etiqueta ao dirigir na Guiné Equatorial

Você não pode evitar que circunstâncias infelizes aconteçam durante sua viagem para a Guiné Equatorial. Quer se trate de uma situação menor ou de um grande acidente de carro, tudo pode acontecer na estrada. É essencial saber o que fazer em qualquer situação para evitar confrontos indesejados com os moradores e autoridades. Aqui estão algumas regras de etiqueta para dirigir que você precisa saber na Guiné Equatorial.

Avaria no carro

Embora as locadoras de veículos frequentemente verifiquem os veículos para alugar, ainda assim podem ocorrer avarias. Se o seu carro quebrar, tente o seu melhor para afastar o veículo da faixa de rodagem. Você também deve colocar um triângulo de advertência reflexivo não menos de 30 metros atrás do veículo e outro triângulo de advertência na frente do carro para alertar outros motoristas.

Se o seu carro quebrar à noite, ligue as luzes de emergência e os defletores de feixe. Isso ajudará a notificar outros motoristas de que há um obstáculo à frente. Chame a polícia ou a equipe de emergência para obter ajuda. Você também pode entrar em contato com uma empresa de serviços de reboque para tirar seu veículo da estrada. Em seguida, espere por ajuda em um local seguro na estrada para evitar ser atropelado por veículos que se aproximam.

Polícia pára

Se a polícia da Guiné Equatorial ordenou que você parasse, siga-os. Diminua a velocidade e pare o carro no lado direito da estrada para evitar atrasar outros motoristas e motoristas. Em seguida, responda com calma e respeito a todas as perguntas que a polícia possa ter para você. Não saia correndo, pois é uma violação grave e as autoridades podem suspeitar que você é uma ameaça ao país.

Pedindo direções

Os guineenses são conhecidos por serem amigáveis e hospitaleiros, especialmente para aqueles que vêm de países de língua espanhola. Se você estiver perdido ou inseguro quanto ao seu destino, pode pedir aos moradores locais como chegar. Espere alguns mal-entendidos se usar o idioma inglês, porque a maioria das pessoas não sabe falá-lo. Como regra geral, lembre-se sempre de conversar educadamente e usar um tom amigável para evitar ofender a pessoa.

Pontos de verificação

Devido ao governo estrito, bloqueios de estradas policiais e militares são comuns durante a condução na Guiné Equatorial. Dirija-se às autoridades com respeito e simplesmente apresente todos os documentos que elas possam exigir de você para evitar atrasos em sua viagem.

Normalmente, as autoridades da Guiné Equatorial só precisam verificar seu passaporte, carteira de habilitação, IDP e registro do veículo. No entanto, em alguns casos, ao dirigir para áreas rurais, eles também podem solicitar um itinerário detalhado e o motivo da viagem. Recomenda-se falar ou escrever na língua espanhola porque a maioria das autoridades não sabe conversar em inglês.

Outras dicas

Além das condições da estrada para dirigir acima, você também deve se preparar para acidentes ao dirigir na cidade da Guiné Equatorial e nas principais cidades. Embora ninguém deseje que isso aconteça, você realmente não pode impedir que aconteça. É essencial saber o que fazer no caso de ocorrer um desastre na estrada. Abaixo estão algumas dicas que você deve se lembrar.

O que fazer em caso de acidente?

Os acidentes rodoviários podem acontecer a qualquer momento. Se você se envolver em um pequeno acidente ao dirigir na Guiné Equatorial, afaste seu veículo da estrada principal (se possível) para evitar que o tráfego e possíveis motoristas colidam com você. Nos casos em que você não consegue mover o carro devido a um acidente grave, ligue para o atendimento de emergência (114 ou 116). Você também pode denunciar o incidente à polícia.

Para obter mais assistência, você pode entrar em contato com a locadora de veículos. O seguro de carro dessas empresas normalmente cobrirá o pagamento dos danos causados ao seu veículo, de acordo com as cláusulas do seguro. No entanto, a melhor maneira de evitar acidentes e complicações é dirigir com cuidado e na defensiva.

Condições de direção na Guiné Equatorial

Além das regras e etiqueta rodoviária, os estrangeiros que conduzem na Guiné Equatorial também devem aprender sobre as diversas situações e condições das estradas do país. Isso o ajudará a se preparar para possíveis obstáculos na estrada durante a viagem para um país estrangeiro.

Estatísticas de acidentes

Acidentes com veículos causados por excesso de velocidade e direção embriagada são comuns na Guiné Equatorial, apesar das leis rígidas. Os acidentes de carro também podem ocorrer devido a veículos com manutenção inadequada que não atendem aos padrões de segurança dos EUA. Além disso, as estradas nas áreas rurais são em sua maioria não pavimentadas e subdesenvolvidas, que não foram projetadas para direção em alta velocidade. Ao dirigir na Guiné Equatorial, afaste-se de outros veículos na estrada e tenha extremo cuidado.

De acordo com o Status Global de Segurança Rodoviária da OMS de 2018, a Guiné Equatorial ficou em 70º lugar globalmente em termos da maior taxa de mortalidade em acidentes rodoviários. Os incidentes de trânsito foram a 16ª causa de morte, com uma taxa de mortalidade de 21,81 por 100.000 habitantes. Acidentes com sobrevivência em países desenvolvidos, como os EUA e o Reino Unido, podem causar ferimentos graves ou morte na Guiné Equatorial devido à limitada assistência médica disponível.

Veículos Comuns

Em 2011, o número total de veículos registrados na Guiné Equatorial era de apenas cerca de 8.000. Sedans, SUVs e outros veículos leves de 4 rodas compreendem quase 7.000 desses carros, tornando-os os veículos mais comuns usados no país. Ocasionalmente, você também pode ver caminhões e táxis, o principal meio de transporte em áreas urbanas, viajando pelo país.

Rodovias com pedágio

Atualmente, não há rodovias com pedágio na Guiné Equatorial. No entanto, o governo vem discutindo a construção da primeira rodovia com pedágio nos últimos anos. Planos para novas e modernas rodovias para ligar as cidades e províncias também estão em vigor. Eventualmente, essas rotas reduzirão o tempo de viagem até mesmo para as aldeias mais remotas do país.

Situações da estrada

A rede rodoviária da Guiné Equatorial está bem desenvolvida, com vias principais e a maioria das estradas secundárias pavimentadas e em excelentes condições. No entanto, você pode ocasionalmente encontrar perigos na estrada, como pedestres, gado e outros animais, especialmente em áreas rurais. Você também deve estar atento aos caminhões estacionados ilegalmente na beira da estrada. Ao dirigir na Guiné Equatorial, enfrente esses perigos com cuidado, indo devagar e mantendo os olhos focados na estrada.

Cultura de condução

Em geral, os guineenses são condutores relativamente seguros. Eles geralmente usam sinais de mudança e luzes para se comunicar com outros motoristas na estrada. Eles também estão familiarizados com as ruas e as leis de trânsito.

No entanto, você pode encontrar um motorista imprudente de vez em quando. Se fizer isso, lembre-se sempre de manter distância do veículo e dirigir dentro do limite de velocidade. Em contraste, há casos em que você se depara com um motorista lento na Guiné Equatorial. Certifique-se de verificar seus retrovisores laterais e retrovisores antes de tentar ultrapassar. Além disso, não se esqueça de usar os sinais de mudança e buzinar uma vez para avisar o motorista.

Outras dicas

Você também deve conhecer outras condições de direção no país, como a medição do limite de velocidade e direção noturna. Abaixo estão informações essenciais sobre outras dicas ao dirigir na Guiné Equatorial para chegar a hotéis e atrações turísticas.

Eles estão usando KpH ou Mph?

Como 81% dos países do mundo, a Guiné Equatorial usa quilômetros por hora (KpH) para exibir os limites de velocidade. Se você vem de um país que usa o sistema métrico de medição, pode ajustar-se facilmente para dirigir na Guiné Equatorial. Normalmente, você pode ver o KpH com um número correspondente para indicar o limite máximo de velocidade em estradas específicas. Quando você vê apenas o número exibido nos sinais de trânsito, deve assumir com segurança que o limite de velocidade é em KpH.

No entanto, a medição de KpH pode ser bastante confusa para motoristas que chegam de países que usam a medição de milhas por hora (MpH). Lembre-se sempre do sistema de medição na Guiné Equatorial para evitar multas pela polícia por excesso de velocidade e prevenir acidentes nas estradas.

É seguro dirigir à noite?

Embora possível, não é recomendado dirigir à noite na Guiné Equatorial. Algumas estradas têm pouca iluminação, o que pode prejudicar sua visão e impedir que você veja obstáculos, como pedestres e animais vadios, à frente.

Se precisar dirigir à noite na Guiné Equatorial, ligue os faróis para ver pelo menos 100 metros à frente. Antes de pegar a estrada, você deve verificar se as luzes e os freios estão funcionando corretamente. Você deve então dirigir em uma velocidade mais lenta para ter tempo de reação suficiente para parar o veículo em caso de obstruções à frente.

Coisas para fazer na Guiné Equatorial

Dirigir na Guiné Equatorial para chegar a resorts de praia e outras atrações como um turista pode ser divertido. No entanto, se você decidiu dirigir por um longo período na Guiné Equatorial, deve aprender coisas essenciais antes de se estabelecer. Aqui estão alguns fatos sobre emprego e residência como motorista no país.

Dirija como um turista

Os turistas podem dirigir na Guiné Equatorial agora. Certifique-se de ter sempre consigo a sua carteira de motorista e o IDP e ter a idade legal para dirigir. Não é permitido dirigir sem carteira na Guiné Equatorial. Quando for pego dirigindo sem carteira, você vai pagar por multas, ou pior, acabar na prisão.

Trabalho como motorista

É possível se inscrever e trabalhar como motorista na Guiné Equatorial. No entanto, você deve estar ciente dos requisitos de trabalho necessários. Os documentos mais importantes que você precisa apresentar são um visto de trabalho, uma autorização de trabalho fornecida pelo seu empregador e uma carteira de motorista internacional. Visite nossa página de inscrição para começar com sua inscrição IDP. Para receber um IDP físico para dirigir na Guiné Equatorial, forneça seu endereço completo com CEP.

Se você planeja viver na Guiné Equatorial como motorista por mais de 90 dias, também deve obter uma autorização de residência. Aqui está uma lista dos requisitos básicos que você deve apresentar ao Ministério do Trabalho e Previdência Social.

  • Pedido de visto preenchido
  • Uma foto tamanho passaporte
  • Passaporte com validade de pelo menos seis meses após a conclusão da viagem
  • Uma página de visto em branco dentro do passaporte
  • Uma cópia do comprovante de vacinação contra febre amarela
  • Uma cópia do itinerário do voo
  • Carta formal dirigida ao Ministério do Trabalho e Previdência Social

Trabalho como um guia de viagens

Se você tem certeza de que pode navegar na Guiné Equatorial como um local, pode se inscrever como guia de viagem no país. No entanto, observe que será difícil encontrar esse emprego, já que a indústria do turismo ainda está crescendo. A maioria dos empregadores também prefere que os locais façam o trabalho. No entanto, você pode encontrar vagas de emprego como guia de viagens na capital Malabo ou Bata na Guiné Equatorial continental. Semelhante a se candidatar a empregos como motorista na Guiné Equatorial, você também precisa apresentar os requisitos e obter uma autorização de trabalho para ser qualificado para trabalhar como guia de viagens.

Candidatar-se a residência

Se você planeja trabalhar e se mudar para a Guiné Equatorial, precisará processar uma autorização de residência como funcionário. O cartão de residência é válido por um ou dois anos. Dá-lhe o direito de permanecer, sair e voltar a entrar na Guiné Equatorial sem qualquer visto. Os candidatos pela primeira vez devem apresentar os seguintes requisitos se desejam obter uma autorização de residência na Guiné Equatorial.

  • Uma carta de requerimento dirigida ao Diretor de Segurança Nacional;
  • Formulário de pedido de cartão de residência realizado emitido pelo Centro Nacional de Documentación para Guinea Ecuatorial (CNDGE)
  • Três fotos tamanho passaporte com fundo branco
  • Passaporte original ou documento de viagem
  • Resultado do teste de HIV / Aids
  • Declaração da atividade em que o requerente estará envolvido enquanto estiver na Guiné Equatorial
  • Contrato de emprego
  • Número de identificação fiscal do empregador
  • Certificado de Registro da Prefeitura
  • Carteira de Identidade do Requerente

Outras coisas a fazer

Existem outras atividades para fazer na Guiné Equatorial se você estiver planejando uma estadia de longo prazo no país. Embora seja pequena em extensão territorial, praias charmosas e paisagens exuberantes escondidas no interior do país podem te seduzir a morar e trabalhar aqui.

Como posso converter minha licença na Guiné Equatorial?

Os estrangeiros que pretendem permanecer na Guiné Equatorial por mais de 90 dias devem obter uma carteira de habilitação da Guiné Equatorial para continuar dirigindo no país. Você precisa trazer sua carteira de habilitação emitida pelo governo local e deve ter pelo menos 18 anos de idade.

Dependendo do país de origem de sua carteira de habilitação local, você também pode ser obrigado a se inscrever em uma escola de direção na Guiné Equatorial e passar no teste. A escola de condução custa normalmente cerca de 150.000 Franco CFA da África Central (XAF).

Existem outras oportunidades de trabalho na Guiné Equatorial?

Se você não tiver a sorte de conseguir um emprego como motorista, ainda pode encontrar outras oportunidades de trabalho na Guiné Equatorial. Como o país é um dos maiores produtores de petróleo da África, você pode descobrir vagas de emprego na indústria de petróleo e gás. Também há oportunidades de trabalho nos setores de silvicultura, pesca e agricultura.

Dependendo da natureza do seu trabalho na Guiné Equatorial, você precisa obter um visto e uma autorização de trabalho. Abaixo estão os diferentes tipos de autorizações de trabalho que seu empregador pode aplicar em seu nome de acordo com os novos requisitos de imigração do país.

  • BI : Esta é a autorização inicial de trabalho concedida à maioria dos funcionários e é válida por um ano.
  • BR : A autorização de trabalho BR é a renovação da autorização do BI, que é válida por dois anos.
  • A autorização de trabalho C : C é a renovação da autorização do BI, que tem validade de até três anos.
  • R : Esta é uma autorização de trabalho temporária, válida apenas por seis meses com opção de renovação, concedida a empregados temporários.
  • I : A autorização de trabalho informal é concedida a indivíduos empregados ou autônomos do setor informal que não podem ser trabalhadores contratados. A licença só é válida por um ano até que você precise renová-la.
  • PCP : É uma autorização de trabalho para autônomos que dirigem uma empresa na Guiné Equatorial. É válido por até três anos e aberto a trabalhadores contratados.
  • PTA : É uma autorização de trabalho agrícola para trabalhadores assalariados ou autônomos do setor agrícola. É válido por três anos com opção de renovação.
  • PP : É uma autorização de trabalho permanente concedida a estrangeiros e turistas que reúnam determinadas condições no país.

Principais destinos na Guiné Equatorial

A Guiné Equatorial possui vastos parques nacionais e reservas florestais, ganhando o seu nome como a terra dos primatas. No entanto, ao contrário de seus vizinhos africanos, a Guiné Equatorial também é conhecida por suas idílicas praias em preto e branco, trilhas isoladas e lagos de cratera de tirar o fôlego. Além dessas maravilhas naturais, o país tem uma arquitetura colonial espanhola deslumbrante e praças abertas para um ambiente urbano animado. Aqui estão alguns dos principais destinos que você não deve perder na Guiné Equatorial!

Catedrál de Santa Isabel

Também conhecida como Catedral de Santa Isabel, é uma igreja católica romana localizada na capital e cidade mais antiga da Guiné Equatorial, Malabo. A catedral leva o nome de Santa Isabel da Hungria, com inauguração oficial em 1916. É famosa por seu estilo arquitetônico neogótico e duas torres de 40 metros de altura que se elevam sobre a cidade. A Catedral de Santa Isabel também é considerada a maior igreja cristã do país.

Instruções de direção:

  1. Do aeroporto de Malabo, siga para nordeste.
  2. Vire à direita na Carretera del Aeropuerto.
  3. Na rotatória, pegue a 2ª saída e continue na Carretera del Aeropuerto.
  4. Em outra rotatória, pegue a 2ª saída e continue seguindo a Carretera del Aeropuerto.
  5. Continue dirigindo em frente por aproximadamente 6,2 quilômetros (3,9 milhas).
  6. Vire à esquerda na Av. de la Independencia.
  7. Vire à direita na Plaza de la Independencia até chegar à Catedral de Santa Isabel. Demora cerca de 14 minutos para chegar ao seu destino.

Coisas para fazer

Visitar o Catedrál de Santa Isabel oferece uma visão significativa para os turistas. Aqui está uma lista de coisas que você pode fazer na igreja.

  1. Maravilhe-se com a arquitetura
    Os turistas que visitam a Guiné Equatorial ficarão impressionados com o Catedrál de Santa Isabel. Este edifício em tons de damasco é o exemplo perfeito da influência espanhola no país. Apresenta um estilo arquitetônico neogótico com duas torres e três naves. Você certamente ficará maravilhado com a beleza e a beleza do edifício.
  2. Assistir a missa
    Seja você um viajante religioso ou não, assistir a uma missa no Catedrál de Santa Isabel seria uma atividade esclarecedora. É uma das melhores maneiras de vivenciar a rica cultura do país. Há um serviço religioso todos os domingos.
  3. Faça um tour pela capital
    Fora desta famosa catedral, você também deve tentar dirigir na capital da Guiné Equatorial para descobrir outras atrações turísticas. Aqui, você pode ver o charmoso parque natural de Malabo, casas de inspiração espanhola, vilas elegantes e modernos edifícios governamentais. Os turistas que conduzem pela Guiné Equatorial também devem visitar as marinas e portos localizados a oeste de Malabo. Você pode até fazer compras nos shoppings e comer em restaurantes chiques.

Pico Basilé

Com uma altitude de 9.878 pés (3.011 m), o Pico Basilé é a montanha mais alta da Guiné Equatorial. É facilmente visível da cidade de Malabo. O acesso ao cume da montanha também é simples porque as estradas estão em excelentes condições. Se quiser fazer caminhadas, você pode encontrar caminhos guiados e trilhas que tornam mais fácil chegar ao topo. A vista no cume o deixará maravilhado.

Instruções de direção:

  1. Do aeroporto de Malabo, siga para nordeste.
  2. Vire à direita na Carretera del Aeropuerto.
  3. Na rotatória, pegue a 2ª saída e continue na Carretera del Aeropuerto.
  4. Em outra rotatória, pegue a primeira saída.
  5. Na próxima rotatória, pegue a 4ª saída.
  6. Continue sempre em frente até chegar à 3ª rotunda. Na 3ª rotatória, pegue a 1ª saída.
  7. Na rotunda, siga pela 1.ª saída e vire à direita.
  8. Continue em frente por aproximadamente 23,4 km (14,5 milhas) até chegar ao Pico Basilé. Demora cerca de uma hora para chegar ao seu destino. Observe que a estrada é sinuosa, então dirija devagar e siga estritamente as pistas.

Coisas para fazer

O Pico Basilé oferece muitas atividades que não pode deixar de experimentar. Aqui estão o que você pode fazer para tirar o melhor proveito da sua exploração no Pico Basilé.

  1. Escale o Pico Basilé
    Escalar o Pico Basilé é uma das atividades mais emocionantes que você pode participar na Guiné Equatorial. Embora a montanha seja relativamente fácil de caminhar, é necessário contratar um guia de viagem. No cume do Pico Basilé, você pode ver o resto da Guiné Equatorial e o Monte Camarões a nordeste através da Baía de Bonny. Você pode até encontrar uma estátua de Maria, a Virgem carregando o menino Jesus nas costas, no topo da montanha.
  2. Observe a vida selvagem
    A observação da vida selvagem é outra atividade popular para desfrutar no Pico Basilé uma vez que a área possui densas florestas, um habitat perfeito para os animais. Enquanto caminha pela montanha, você pode encontrar vários animais selvagens em seu habitat natural. Os amantes dos animais e da natureza irão certamente desfrutar de caminhadas no Pico Basilé.

Ilha Bioko

A Ilha Bioko tem dois destinos importantes que você nunca deve perder. Moca, também conhecida como Moka, é uma pequena cidade localizada no sudeste da Ilha de Bioko. É a casa da tribo Bubi, um dos grupos étnicos mais comuns na Guiné Equatorial. Além dos habitantes locais hospitaleiros, Moca é conhecida por seus vales incríveis, picos de montanhas e lagos de cratera.

Arena Blanca, também conhecida como Playa de Alena, é uma praia de areia dourada pouco desenvolvida na Guiné Equatorial. Situa-se perto de Luba, a segunda maior cidade da ilha de Bioko. A praia pode ser alcançada através da via principal que liga à capital do país, Malabo. É considerada uma das melhores praias da Guiné Equatorial, portanto, aproveite sua beleza.

Instruções de direção:

  1. Do aeroporto de Malabo, siga para nordeste.
  2. Vire à direita na Carretera del Aeropuerto.
  3. Na rotatória, pegue a 2ª saída e continue na Carretera del Aeropuerto.
  4. Em outra rotatória, pegue a primeira saída.
  5. Continue em frente por aproximadamente 1,1 km (0,6 milhas).
  6. Vire à direita e continue em frente por aproximadamente 37,9 quilômetros (23,5 milhas).
  7. Vire à esquerda e siga em frente por 11 quilômetros (6,8 milhas) até chegar à cidade de Moca. Demora aproximadamente 1 hora e 15 minutos para chegar ao seu destino.

Instruções de direção para a Arena Blanca:

Instruções de direção:

  1. Do aeroporto de Malabo, siga para nordeste.
  2. Vire à direita na Carretera del Aeropuerto.
  3. Na rotatória, pegue a 2ª saída e continue na Carretera del Aeropuerto.
  4. Em outra rotatória, pegue a primeira saída.
  5. Continue em frente por aproximadamente 1,1 km (0,6 milhas).
  6. Vire à direita e continue dirigindo por aproximadamente 32,7 quilômetros (20,3 milhas) até chegar à Arena Blanca. Demora cerca de 40 minutos para chegar ao seu destino.

Coisas para fazer

As belas praias de Arena Blanca e Moca estão repletas de atividades diferentes para cada tipo de viajante. Se você deseja desfrutar ao máximo desta pequena cidade, aqui está uma lista das atividades mais divertidas para fazer em Moca e Arena Blanca.

  1. Visite os lagos
    Moca apresenta vários atrativos naturais e lagos, incluindo o Lago Loreta, Lago Biao e as Cascatas de Moca. Cada um é único com águas cristalinas que mostram a beleza da natureza. Nas Cascatas da Moca, pode-se até encontrar diversas espécies de macacos. Esses lagos são definitivamente uma visita obrigatória em sua viagem à cidade de Moca.
  2. Socialize com os habitantes locais
    Moca tem o nome do Rei Mookata dos Bubi. Você não deve perder a oportunidade de conhecer essa etnia africana ao visitar a cidade. Sinta-se à vontade para conviver com os nativos e observar seu modo de vida. Você pode até ter sorte e ver de perto a prática de tatuagem única da tribo.
  3. Tire fotos das paisagens
    Ao dirigir pelas estradas de Moca, você encontrará pastagens exuberantes, vales de tirar o fôlego e altos picos de montanhas. Não se esqueça de tirar fotos dessas vistas e cenários incríveis para uma experiência inesquecível de road trip pelo país.
  4. Nade na Arena Blanca
    Uma das atividades mais divertidas que você pode fazer em Arena Blanca é dar um mergulho na praia. Você definitivamente vai gostar de nadar nas águas cristalinas e intocadas. Apanhar sol na areia dourada também é divertido, graças ao tempo relativamente bom na praia durante todo o ano.
  5. Maravilhe-se com as borboletas
    Além da areia dourada e das águas cristalinas, Arena Blanca também é o lar de um enxame de borboletas. Experimente visitar durante a estação seca para ver centenas de lindas borboletas voando no céu. A vista é realmente maravilhosa, e você não deve perder quando visitar a área.

Torre de la Libertad

Depois de explorar e dirigir ao redor da ilha de Bioko, você deve verificar o território continental do Rio Muni e seguir para Bata, a maior cidade da Guiné Equatorial. No coração de Bata encontra-se a Torre de la Libertad, um monumento e restaurante ao mesmo tempo. É um dos pontos turísticos mais notáveis da cidade, pois simboliza a independência da Guiné Equatorial.

Instruções de direção:

  1. Do Aeroporto Internacional de Bata, siga para sudoeste.
  2. Vire a esquerda.
  3. Na rotatória, pegue a primeira saída para Paseo Maritimo.
  4. Continue em frente no Paseo Maritimo e passe por 4 rotatórias.
  5. Vire à direita e continue dirigindo até chegar a Torre de la Libertad. A viagem dura aproximadamente 11 minutos.

Coisas para fazer

Torre de la Libertad oferece atividades únicas se você quiser algo além de aventuras ao ar livre. Os estrangeiros que preferem passeios pela cidade certamente vão adorar a visita a este marco. Aqui estão as atividades que você pode realizar em Torre de la Libertad.

  1. Admire o monumento
    À noite, Torre de la Libertad dá vida à cidade com a ajuda do moderno sistema de iluminação. Fique à vontade para admirar os efeitos da luz LED de longe e tirar fotos da estrutura se desejar. É feito de granito e materiais de construção de alumínio, que se destacam do resto da cidade.
  2. Coma uma cozinha deliciosa
    Se você deseja comida excelente, vá até o último andar da Torre de la Libertad. Tem um restaurante que serve deliciosa cozinha local e internacional. Enquanto come a excelente comida, você também pode desfrutar de uma vista deslumbrante de Bata.
  3. Visite a boate
    Termine a sua refeição com bebidas refrescantes! Visite a boate na parte inferior da torre e peça algumas bebidas. É uma das melhores maneiras de vivenciar a vida noturna da cidade. Mas se você decidir beber a noite toda, não dirija na Guiné Equatorial. Lembre-se de que dirigir sob a influência de álcool é ilegal e punível por lei.
  4. Tour Bata
    Depois de comer comida deliciosa e degustar bebidas refrescantes, é hora de explorar a área próxima à Torre de la Libertad. A cidade de Bata ganha vida à noite, com a maioria dos bares e mercados abertos aos turistas. Outras atrações imperdíveis incluem a Catedral de Bata, o Estádio La Libertad e o Centro Cultural Espanhol de Bata.

Mbini

Aproximadamente 44 quilômetros ao sul de Bata é a pequena cidade costeira de Mbini. Encontra-se na foz do Rio Benito, o maior rio do país. Antes de chegar a esta cidade tranquila, é obrigatório dirigir na ponte suspensa de 800 metros da Guiné Equatorial sobre o rio. Este é um espetáculo para ver e um dos motivos para visitar Mbini.

Instruções de direção:

  1. Do Aeroporto Internacional de Bata, siga para sudoeste.
  2. Vire a esquerda.
  3. Na rotatória, pegue a primeira saída para Paseo Maritimo.
  4. Vire a esquerda.
  5. Na rotatória, pegue a 1ª saída e continue em frente por aproximadamente 11,5 km (7,1 milhas).
  6. Na rotatória, pegue a 3ª saída e continue em frente por aproximadamente 37,4 km (23,2 milhas). Passe por duas rotatórias.
  7. Continue até Puente sobre el río Benito, a ponte suspensa de 800 metros sobre o rio Benito.
  8. Vire à direita.
  9. Vire à direita novamente e continue em frente por aproximadamente 1,7 km (1 milha).
  10. Vire à esquerda até chegar a Mbini. A viagem dura cerca de uma hora.

Coisas para fazer

A cidade de Mbini oferece atividades divertidas para todos os tipos de viajantes. Confira abaixo para saber o que fazer ao visitar esta área.

  1. Admire a ponte
    É obrigatório apreciar a vista do rio mais longo do país ao dirigir na ponte Mbini da Guiné Equatorial. Construída pelos chineses, a ponte é um espetáculo para ser visto, principalmente no final da tarde, quando o sol está se pondo. A vista noturna também é notável porque muitas vezes é iluminada por luzes coloridas.
  2. Nadar nas praias
    Mbini é o lar de praias arenosas relativamente intocadas. Portanto, você pode encontrar muitas áreas onde pode dar um mergulho refrescante nas águas. Você definitivamente vai gostar de nadar nas águas azul-marinho e tomar sol na areia dourada.
  3. Prove os excelentes frutos do mar
    Devido à sua proximidade com o mar e o rio, Mbini oferece deliciosos frutos do mar. Não saia da cidade sem experimentar a cozinha de especialidade local! É uma das melhores formas de maximizar a sua visita à cidade.
  4. Check-in em resorts
    Sinta-se à vontade para ficar e relaxar na cidade, pois você pode facilmente encontrar hotéis e resorts ao dirigir em Mbini, na Guiné Equatorial. Esses estabelecimentos podem acomodar viajantes individuais, bem como famílias. Você definitivamente terá tempo para relaxar na cidade, graças ao seu ambiente tranquilo.

Rio Muni

O Rio Muni tem muitos destinos que você pode visitar. Você quer experimentar a natureza, mas não gosta de animais? Você pode optar por visitar a Reserva Natural Monte Temelón em vez disso! É frequentemente um destino esquecido na Guiné Equatorial devido à sua localização perto da fronteira com os Camarões. No entanto, é uma visita obrigatória ao parque nacional com 1.200 quilômetros quadrados (460 milhas quadradas) de florestas.

Você também pode visitar o Parque Nacional Monte Alen. Considerado um dos segredos mais bem guardados da África Central, o Parque Nacional Monte Alén é uma floresta protegida que se estende por 1.400 quilômetros quadrados (540 milhas quadradas). Para os amantes dos animais e da natureza, o parque é um dos melhores lugares para se visitar ao dirigir na Guiné Equatorial. Mas mesmo que você não goste da natureza, o parque é motivo suficiente para viajar até esta pequena nação africana.

Instruções de direção:

  1. Do Aeroporto Internacional de Bata, siga para sudoeste.
  2. Vire a esquerda.
  3. Na rotatória, pegue a primeira saída para Paseo Maritimo.
  4. Vire à esquerda e continue em frente passando por 3 rotundas.
  5. Vire à esquerda e continue em frente por aproximadamente 58,2 quilômetros (36,1 milhas).
  6. Vire à direita e continue em frente até chegar ao Parque Nacional Monte Alén. Demora cerca de uma hora e 10 minutos para chegar ao seu destino.

Coisas para fazer

Para aproveitar ao máximo toda a região, aqui está uma lista das atividades mais divertidas para se fazer na região do Rio Muni.

  1. Observe a vida selvagem no Parque Nacional Monte Alen.
    O Parque Nacional Monte Alén é o lar de uma variedade de vida selvagem rara. Aqui, você poderá ver crocodilos, elefantes, chimpanzés, gorilas, leopardos, várias espécies de pássaros e outros animais em seu habitat natural. Se você gosta de vida selvagem, definitivamente deveria visitar este parque nacional.
  2. Nade nos lagos e cachoeiras
    Além dos animais raros, você também pode descobrir lagos cristalinos e cachoeiras imponentes no Parque Nacional Monte Alén. Basta seguir as trilhas de caminhada do parque para chegar a esses locais incríveis. Você também pode nadar nos lagos para uma experiência inesquecível na natureza.
  3. Seja um com a natureza
    Espere ver uma variedade de flora ao dirigir até esta reserva natural. De árvores e arbustos a flores, a Reserva Natural Monte Temelón possui diferentes tipos de plantas endêmicas da Guiné Equatorial. Está entre os melhores lugares para descobrir as belezas naturais do país e se tornar um com a própria natureza.
  4. Veja crocodilos
    Além da vegetação, você também pode descobrir crocodilos espreitando nas margens do rio dentro da Reserva Natural Monte Temelón. Você ficará surpreso com o tamanho dessas criaturas na vida real. Sinta-se à vontade para observá-los pelo tempo que desejar.
  5. Descubra pangolins
    Se você tiver sorte, poderá até encontrar os raros pangolins gigantes ao visitar a Reserva Natural Monte Temelón. Essas criaturas são endêmicas na área, o que torna a experiência mais notável se você encontrar uma.

Obtenha sua Permissão Internacional para Dirigir em 2 horas

Aprovação instantânea

Válido por 1-3 anos

Transporte expresso mundial